Na sexta-feira (05), na sede da 3ª Seção de Bombeiros do 2º SGB de Palmas, ocorreu a troca de comando. O Ten Picolotto transmitiu o cargo ao Sgto Clovis Maccari, que anteriormente já havia ocupado o posto.

A solenidade teve a presença de várias autoridades, entre elas, o comandante do 3º Comando Regional de Bombeiros Militar, Ten Cel Fernando Raimundo Schunig, o comandante do 2º Subgrupamento de Bombeiros Independente, Cap Alecsander Dornelas, deputado estadual Luiz Fernando Guerra, prefeita de Cel Domingos Soares, Dona Maria e demais autoridades.

“Foram dois anos e oito meses de muito trabalho, com muitos desafios, período conturbado no término de 2017, até meados de setembro de 2018, com o corte  no recurso oriundo do Fundo de Reequipamento do Corpo e Bombeiros (FUNREBOM), momento difícil, mas buscamos uma solução, contamos com o apoio da Justiça Federal, do Ministério Público do Trabalho, através de projetos apresentados conseguimos obter recursos com apoio da Câmara de Vereadores, o que ajudou a dar continuidade ao trabalho que vinha sendo feito há cerca de 19 anos na corporação”, comentou Picolotto e esclareceu que em relação a parte operacional a corporação recebeu um caminhão alto bomba tanque, em fevereiro de 2018, porém, devido as dificuldades com pagamento das oficinas que faziam serviços para o Estado, a liberação aconteceu em dezembro de 2018, com apoio de diversos órgãos, inclusive o Conselho de Segurança.

“Dei o melhor enquanto estive no comando e acredito que a corporação avançou, apesar da dificuldade de efetivo e de manutenção de viaturas. A vinda deste caminhão de 10 mil litros de água agrega muito no auxílio de incêndios de grandes proporções”, destacou e diz esperar que uma das sementes que foi plantada na capacitação de 1.200 alunos do sistema público e privado de ensino de Palmas, rendam bons frutos e que no futuro sigam a carreira de bombeiro.

O comandante que assumiu, Sgto, Maccari, explicou que é um novo desafio, segundo ele, agora com mais experiência e visão do trabalho a ser desenvolvido com novas missões e se diz preparado para enfrentar este trabalho nos próximos anos com sua equipe. “Cheguei no dia da inauguração, o Subtenente Roberto Zorzenon e o Alan Kuriaki vieram antes para implantação de taxas e reformas no prédio. São 19 anos, trabalhando no município é um legado, defendo Palmas, não nasci na cidade, mas sou cidadão honorário”, pontuou e explicou que tem um plano de ação que deverá ser desenvolvido anualmente, mas tem a expectativa da inclusão de novas metas.

Com informações da TVa